Pesquisa avançada
Início - Ecolojovem - Comunicados
 
 
 
Comunicados
Partilhar

|

Imprimir página
29/04/2016
Dia do Trabalhador


No dia 1 de Maio de 1886, em Chicago, centenas de milhares de operários iniciaram uma luta histórica, fazendo uma greve geral reivindicando o estabelecimento da jornada de oito horas de trabalho, sendo impiedosamente reprimidos pelas entidades policiais e patronais.

Em Portugal, só se voltou a comemorar livremente o 1º de Maio, a partir de 1974, com o fim do regime fascista que reprimia a celebração deste dia.

Com o fim deste regime de lápis azul, foi possível abrir portas à criação da Constituição da República Portuguesa, essa lei fundamental que faz este ano 40 anos.

Os jovens ecologistas assinalam este dia e saúdam todos os jovens que diariamente lutam pelos seus direitos, com especial ênfase nos locais de trabalho, resistindo contra políticas laborais injustas.

O anterior Governo PSD/CDS foi dos governos que mais afrontas colocou à Constituição e mais entraves colocou à emancipação dos jovens, obrigando muitos a emigrar por melhores condições de vida.

Grandes grupos económicos que empregam centenas de jovens com contratos de vínculo precário, utilizam esses mesmos contratos, bem como a falta de emprego, como formas de manipulação e opressão dos trabalhadores.

Grupos esses que desrespeitam contratos de trabalho que dizem claramente que os trabalhadores têm direito a usufruir do dia 1 de Maio como feriado.

Por isso mesmo, a Ecolojovem – “Os Verdes” está solidária com os jovens trabalhadores, associando-se às várias acções da CGTP pelo país.

Junta-te a nós na defesa dos teus direitos!

Viva a juventude!

Voltar