Pesquisa avançada
Início - Ecolojovem - Comunicados
 
 
 
Comunicados
Partilhar

|

Imprimir página
27/03/2019
DIA NACIONAL DA JUVENTUDE – 28 DE MARÇO
"No dia 28 de março de 1947, juntaram-se centenas de jovens num acampamento organizado pelo Movimento de Unidade Democrática Juvenil (MUD Juvenil) em Bela Mandil, no Algarve. Nesse dia, tal como já tinha acontecido noutras vezes e a outros antifascistas, foram reprimidos de forma violenta pela PIDE. Foi a luta destes jovens e de todo o povo do nosso País que levou, após anos de resistência, à Revolução de Abril e às conquistas que ela nos trouxe. Este dia passou a ser comemorado em Portugal por estar associado à luta da juventude, mesmo nas piores condições de repressão, por uma vida melhor dentro do nosso país."

Cabe aos jovens de hoje lutar em defesa de um futuro com direitos e em honra de todos aqueles que lutaram no passado pelos direitos que hoje temos.
“A melhor forma de garantirmos os nossos direitos, é exercê-los.”

Embora esta solução parlamentar tenha melhorado em parte as condições de vida dos portugueses, os jovens continuam a ser uma camada da população afetada grandemente por políticas de desrespeito laboral. Para os jovens, o desemprego é uma realidade assustadora, e quando existe emprego, este é muitas vezes precário, com maus horários, baixos salários, contratos semelhantes aos realizados em praças de jorna e por isso, os jovens deve ter um papel ativo na reivindicação dos seus direitos e liberdades.

Numa sociedade que subjuga ao poder económico os direitos ambientais e a Natureza, também os jovens, enquanto geração mais nova, sofrem e irão sofrer consequências do ponto de vista da saúde, da qualidade de vida e igualmente, das condições de trabalho, devido à previsão da escassez de recursos que implicarão maior competitividade laboral e menor proteção social.

Por isso, os jovens ecologistas não deixam de assinalar este dia e no dia 28 de março saímos à rua associados à manifestação da Interjovem “Temos direitos Queremos estabilidade” que decorrerá às 15h00 no Rossio.

Associamo-nos a esta manifestação porque mais do que nunca urge lutar por condições dignas laborais que permitam a emancipação e pleno usufruto da vida.

Saudamos, ainda, a Interjovem e a CGTP-IN por todo o trabalho que têm levado a cabo na salvaguarda e defesa dos direitos dos trabalhadores!
Viva a Juventude!

Viva o Dia Nacional da Juventude!
Voltar